Sexta-feira, 04 de Dezembro de 2020
Telefone: (54) 3332-1699
Whatsapp: 054 9 9715-2658
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Ensolarado com muitas nuvens
27°
16°
24°C
Não-Me-Toque/RS
Ensolarado com muitas nuvens
Ao Vivo:
Economia e Negócios

Sorveteria amplia negócios

20.09.2012 21h00  /  Postado por: upside

A micro e pequena empresa (MPE) Andrioli Sorvetes era composta, apenas, com uma máquina e o resto era feito com processo artesanal. Quase 20 anos depois, o pequeno negócio aumentou as ferramentas de trabalho, o quadro de funcionários e a produtividade. Tudo isso com o auxílio do Sebrae/RS, através do Programa ALI – Agentes Locais de Inovação.
Desde o começo, uma iniciativa empreendedora. Em 1993, Volmir e Sérgio Andrioli, filhos de proprietários de uma lanchonete, revezavam o trabalho entre a produção de lanches e de sorvetes, em locais diferentes. Na época, não tinham garantias a oferecer, portanto, também não tinham ajuda bancária. Então, a renda da fabricação do doce era investida na própria empresa. Foi assim que os irmãos compraram o terreno onde construíram a sede da Andrioli Sorvetes.
A chegada do Sebrae/RS foi uma consequência. Com o objetivo de melhorar cada dia mais, os empresários decidiram abrir as portas para a visita da agente local de inovação Lídia Tiggermann – formada em Engenharia de Alimentos.
– A atuação da agente veio ajudar a empresa justamente nos setores que estávamos deixando a desejar. Lídia nos apontou onde poderíamos melhorar. A partir de então, estamos buscando soluções e ferramentas, como a participação no Projeto do Sebrae/RS Desenvolver as Indústrias da Região do Planalto, com os módulos de Gestão, Inovação e Acesso a Mercados -, afirma Volmir.
Apesar do pouco tempo, os irmãos contam inúmeros benefícios desde que Lídia começou a dar os primeiros passos com o empreendimento. Partindo do diagnóstico que apresentava os pontos positivos e a melhorar – realizado nos primeiros encontros -, a ALI pesquisou empresas de máquinas e equipamentos com preços acessíveis, contatou empresas de calibragem de equipamentos que trabalham com o Sebrae/RS, instituições para fazerem a análise da água utilizada para a fabricação dos produtos – uma exigência da Vigilância Sanitária -, além da implantação de boas práticas na produção.

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.