Quarta-feira, 11 de Dezembro de 2019
Telefone: (54) 3332-1699
Curta nossa página no Facebook:
Ensolarado com muitas nuvens
30°
18°
29°C
Não-Me-Toque/RS
Ensolarado com muitas nuvens
Agronegócios

Pioneiro em agricultura de precisão, Projeto Aquarius lança livro durante a 18ª Expodireto

17.03.2017 16h44  /  Postado por: upside

 

O projeto impulsionou para que Não-Me-Toque fosse reconhecida como “Capital Nacional da Agricultura de Precisão”

O projeto impulsionou para que Não-Me-Toque fosse reconhecida como “Capital Nacional da Agricultura de Precisão”

 

Reconhecido como um dos principais projetos de agricultura de precisão (AP) do país, o Aquarius lança livro em comemoração aos 17 anos do projeto. O ato de lançamento ocorreu na quarta-feira (8), às 15h, no estande do projeto na Expodireto Cotrijal, em Não-Me-Toque. O Projeto Aquarius iniciou no ano 2000, dentro da Stara, que buscou a parceria da Universidade de Santa Maria para fundamentar a pesquisa e validar os resultados.

Desde o início, também participaram produtores rurais, indústrias de máquinas e de fertilizantes.
Iniciado quando as principais experiências com AP se encontravam fora do país, em condições muito distintas do cultivo praticado no Sul do Brasil, o Projeto Aquários superou barreiras culturais e científicas, mas não tardou a comprovar sua importância para aumentar a produtividade das lavouras.

Quando iniciou em uma área de 130 hectares em Não-Me-Toque, no ano 2000, o rendimento do milho era 40 sacas por hectares. Hoje, alcançou 260 sacas por hectares, na mesma área, com picos de 350 sacas. O projeto é referência em agricultura de precisão no Brasil, e rendeu ao município de Não-Me-Toque o título de “Capital da AP”.

DSC_1598

Livro relata história de 17 anos de pesquisa no projeto Aquarius

– Já podemos buscar o título de Capital Mundial da Agricultura de Precisão – declarou Gilson Trennepohl, diretor-presidente da Stara.

O sucesso alcançado foi conferido ao professor Telmo Amado, que desde o início coordena o projeto que tem a participação de alunos e gerou a primeira tese de doutorado sobre o tema.

– O apoio da Universidade e as parcerias foram decisivas para alcançarmos os resultados atuais que disponibilizam mapas de fertilidade e de produtividade comprovando a importância desta ferramenta para o crescimento da produtividade nas lavouras – afirmou o professor.

Lançamento ocorreu na 18º edição da Expodireto Cotrijal

Lançamento ocorreu na 18º edição da Expodireto Cotrijal

Rogério Pacheco, que representou todos os agricultores envolvidos no projeto no lançamento do livro, afirmou que os alunos da UFSM produziram um mapa inédito na sua propriedade, o de população de minhocas, prova do alto nível de fertilidade alcançado. Na UFSM, o professor Telmo Amado desenvolve pesquisas com ajuda alunos de graduação e pós-graduação ligados aos cursos de Agronomia, Engenharia Agrícola e Ciência do Solo. Os trabalhos – dentre eles resumos, artigos científicos, dissertações e teses – são voltados para as mais diversas áreas da AP, para que em curto prazo os resultados possam ser aplicados a nível comercial por produtores e técnicos.

O vice-Reitor da UFSM, Paulo Bayard Dias Gonçalves, ressaltou que a AP é a base de sustentação da produtividade e o agro sustenta a economia do país.Após o lançamento e entrega dos primeiros exemplares aos que tiveram participação ativa no desenvolvimento e apoio ao projeto, o público foi convidado a fazer o roteiro que mostra a evolução do projeto. O projeto desenvolve experimentos em 4 propriedades em Não-Me-Toque e Santo Antônio do Planalto, com a parceria com a Stara, UFSM, Cotrijal, Yara e Pionner e é reconhecido como um dos principais projetos de agricultura de precisão do país.

Pesquisa de solo é amplamente desenvolvida no projeto

Pesquisa de solo é amplamente desenvolvida no projeto

O evento contou com a participação do prefeito Armando Carlos Roos, do secretário de Desenvolvimento Jair Kilpp o presidente da Expodireto Cotrijal Nei César Mânica, o vice-presidente da Cotrijal Enio Schroeder, o presidente do Projeto Aquarius Leonardo Kerber, o presidente do Sindicato rural Willybrordus van Lieshout, a coordenadora do APSul América Teodora Lütkemeyer, o vereador Charles Morais, pesquisadores, acadêmicos de agronomia e produtores rurais.

Demais fotos do lançamento do livro 17 anos do Projeto Aquarius 

DSC_1601 DSC_1624 DSC_1595

O livro já disponível em formato digital para download na página do projeto(www.ufsm.br/projetoaquarius).

 

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.