Sábado, 19 de Outubro de 2019
Telefone: (54) 3332-1699
Curta nossa página no Facebook:
Ensolarado com muitas nuvens
22°
13°
20°C
Não-Me-Toque/RS
Ensolarado com muitas nuvens
Cultura e lazer

Harrie Stapelbroek indicado para receber título de Cidadão Honorário de Não-Me-Toque

Harrie Stapelbroek indicado para receber título de Cidadão Honorário de Não-Me-Toque
16.07.2019 17h40  /  Postado por: helaine

Foi aprovado pela Câmara de Vereadores de Não-Me-Toque o projeto de lei do Legislativo nº 017/2019 de autoria do vereador Charles Morais (PP), que concede o Título de Cidadão Honorário de Não-Me-Toque a Harrie Johannes Stapelbroek. O projeto foi votado em plenária na sessão ordinária realizada segunda-feira (8).

Indicamos o Seu Harrie por conhecer sua grande contribuição para o município de Não-Me-Toque. Além de empresário que oferece emprego e contribui para o desenvolvimento, também tem relevante participação social – justificou o vereador que está muito feliz em poder fazer esta homenagem.

Harrie Johannes Stapelbroek é imigrante holandês radicado em Não-Me-Toque desde o início da década de 1960

Harrie Johannes Stapelbroek, é filho caçula de Johannes Bernardus Stapelbroek e Johanna Hendrika Stapelbroek Assinck. Foi um dos diretores-proprietários da empresa Stara fundada por seu pai até 1997, quando resolveu desligar-se para fundar junto com seus filhos a própria empresa, a Stahar – Stapelbroek & Cia. Ltda.

Seu grande senso humanitário faz com que seja destaque na comunidade. Homem discreto, foi presidente da Comunidade Católica Cristo Rei durante vários anos. Em sua gestão, junto com Edegar Fritzen, liderou a construção do salão de esportes e do salão de festas Cristo Rei. Por 14, atuou como vice-presidente do Lar do Idoso São Vicente de Paulo, onde sua presença foi decisiva nas grandes questões.

Foi presidente do Lyons Clube na gestão de 1975/1976, com relevante atuação social no município. Nos últimos anos faz o papel de São Nicolau, para a alegria das crianças e para manter viva a tradição trazida pelos imigrantes. Harrie guarda com muito cuidado uma coleção de artefatos usados durante a 1º Guerra Mundial 1914/1918 quando seu pai atuou na organização dos quartéis, bem como alguns objetos da antiga oficina de seu pai, fundador da Stara.

Empresário íntegro trabalhador, foi destaque no ano de 1991, quando foi homenageado com o título de “Empresário Cristão do Ano”, no âmbito regional, pela Associação de Dirigentes Cristãos de Empresas (ADCE).

Com informações: Livro A Caminho da Esperança – Imigração Holandesa em Não-Me-Toque (Cornélia van Riel e Helaine Gnoatto Zart).

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.