Quarta-feira, 20 de Novembro de 2019
Telefone: (54) 3332-1699
Curta nossa página no Facebook:
Estrelado
30°
17°
25°C
Não-Me-Toque/RS
Estrelado
Agronegócios

Associada da Cotrijal recebe prêmio nacional por gestão inovadora

Associada da Cotrijal recebe prêmio nacional por gestão inovadora
Os jurados são todos especialistas na área e analisaram os casos sem saber de quem se tratava cada propriedade
15.10.2019 14h58  /  Postado por: helaine

Os jurados são todos especialistas na área e analisaram os casos sem saber de quem se tratava cada propriedade

A produtora associada da Cotrijal Luciane Rheinheimer, de Carazinho, foi uma das nove mulheres homenageadas no 2º Prêmio Mulheres do Agro, realizado durante o 4º Congresso Nacional das Mulheres do Agronegócio. A honraria foi entregue no último dia da programação, 9 de outubro, no Transamerica Expo Center em São Paulo.
– Estou realmente emocionada e orgulhosa em receber este reconhecimento. É resultado de 23 anos de dedicação e amor ao agronegócio, de um trabalho sério em busca por inovação e tecnologia.  Mas é claro que só é possível graças a uma equipe comprometida e dedicada que faz acontecer e da minha família, que me inspiram e me motivam – ressaltou Luciane.
Realizada pela Associação Brasileira do Agronegócio (ABAG), Bayer e Elanco, a premiação reconhece a excelência da gestão feminina nas propriedade rurais, que se destacaram por ações inovadoras, comprometidas com a sustentabilidade na parte econômica, social dentro e fora da porteira e ambiental, boas práticas agropecuárias, utilização de tecnologias no campo, entre outros quesitos.
– Eu voltei inspirada com tantos exemplos e modelos que estão dando certo e prosperando em todo Brasil. Com certeza volto com novas práticas para melhorar e aprimorar a nossa propriedade e transmitir para os colegas produtores – destacou a produtora.

Centenas de inscrições – Segundo a organização do prêmio, comparando com a primeira edição, em 2018, o número de inscrições cresceu 300% neste ano.
Luciane relata que passou por várias etapas de seleção, com relatos sobre as atividades e realidade da propriedade – levando em conta dados sobre a história, gestão, georreferenciamento, Cadastro Ambiental Rural, Certificado de Cadastro de Imóvel Rural (CCIR), entre outros.
– Eu vejo que é um processo extremamente sério e comprometido, principalmente pelo nível de conhecimento das pessoas que tive o prazer de conviver esses dias. Os jurados são todos especialistas na área e analisaram cada caso sem saber de quem se tratava cada propriedade – mencionou.
Foram premiadas três mulheres em cada categoria: Grande Propriedade, Média Propriedade e Pequena Propriedade.
O congresso – O congresso reuniu quase duas mil participantes para debater o tema “Agir – Ação Global: Integração de Redes”, que norteou a programação dos dois dias do encontro.

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.