Terça-feira, 20 de Outubro de 2020
Telefone: (54) 3332-1699
Whatsapp: 54 9 9932 7709
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Tempo limpo
31°
16°
20°C
Não-Me-Toque/RS
Tempo limpo
Ao Vivo:
Destaques

Morre em Campo grande o grande líder Dante Graeff

Morre em Campo grande o grande líder Dante Graeff
Em 2016, Dante Gaeff recebeu o título de Cidadão de Não-Me-Toque. Na foto, a prefeita Teodora Lütkemeyer, o vereador Valdir Kirst, proponente da homenagem, e a presidente da Câmara Paula van Schaik
18.10.2020 12h00  /  Postado por: A Folha

O não-me-toquense Dante Graeff, engenheiro agrônomo de profissão, cooperativista, morreu na manhã de hoje, aos 84 anos, em Campo Grande (MS), cidade onde transferiu residência, depois de intensa atuação profissional e política, áreas onde deixou um grande legado.

Dantinho, como era chamado pelos amigos, era visitante assíduo da cidade, onde tem familiares, e admirador da Expodireto Cotrijal. Agendava suas visitas anuais na época da feira para poder ver as maravilhas da evolução agrícola na sua terra natal.

Dante Graeff deixou marcas de seu trabalho em Não-Me-Toque, entre elas a primeira exposição de milho, no ano de 1962, que serviu para a Agroceres recolher seus primeiros materiais genéticos para a pesquisa. Em 1953 liderou a organização da primeira feira agropecuária, no pavilhão da Cotrijal, depois veio a primeira Expoagri.

Representante da Secretaria de Agricultura do Rio Grande do Sul, junto com colegas do Instituto Agronômico do Sul, organizou as primeiras normas para produção de sementes de trigo fiscalizada.

Junto com Theobaldo Roos, participou da comissão que entre 1960 e 1961 percorreu o interior do município visando o aumento do quadro social de capital da Cotrijal. Na cooperativa foi diretor-secretário (vice-presidente), de 1961 a 1969. Iniciou no Departamento Técnico junto com o coordenador, José Walter Mumbach, e proporcionaram o retorno do engenheiro agrônomo Irmfried Schmiedt a Não-Me-Toque, que veio se tornar presidente da cooperativa.

Foi vereador na gestão 1983 a 1989, junto com Canísio Heisler, Luiz Paulo Malaquias, Ingo Soder e Frederico Wentz.

Em 2016, Dante Gaeff recebeu o título de Cidadão de Não-Me-Toque. Na foto, a prefeita Teodora Lütkemeyer, o vereador Valdir Kirst, proponente da homenagem, e a presidente da Câmara Paula van Schaik

Histórico

Dante Graeff, nasceu em Não-Me-Toque no dia 08 de julho de 1936. Casou-se em 20 de dezembro de 1960, em Porto Alegre, com a senhora Elda Castelo Branco Navarro e tiveram três filhas: Maria Augusta, Odila e Alice. Tem como genro, Renato Schmaedecke. Tem sete netos: Neif Salim Neto, Kalil Graeff Salim, Natalia Schmaedecke, Renata Graeff Schmaedecke, Camila Graeff Pilotto, Vitor Graeff Pilotto e Lucas Schmaedecke e uma Bisneta: Betina Sandri Salim.

Participou do primeiro Ato Público para emancipação de Não-Me-Toque, sendo que, juntamente com seu primo Miro, convidaram todos os moradores da vila para a primeira reunião emancipacionista, no Clube União. Projetou, confeccionou e distribuiu dezenas de Réguas Nível, que eram manejadas pelo próprio agricultor, proporcionando aceleração da conservação do solo. Junto com o senhor Theobaldo Roos, participou da comissão que entre 1960 e 1961 percorreu, com sucesso, o interior do município, visando o aumento do quadro social de capital da Cotrijal.

Na empresa Cotrijal foi Diretor Secretário (vice-presidente), de 1961 a 1969. Iniciou no Departamento Técnico junto com o coordenador, senhor José Walter Mumbach, e proporcionaram o retorno do engenheiro agrônomo Irmfried Schmiedt à Não-Me-Toque, como presidente da Cotrijal, transformando-o em grande líder da agricultura gaúcha.

Foi eleito 2º secretário do Sindicato Rural de Não-Me-Toque, no ano de 1970 e vereador durante a legislatura de 1983 a 1989.

No Esporte Clube Colorado foi atleta, treinador e presidente. Também, foi agrônomo representante da Secretaria de Agricultura do Rio Grande do Sul, onde com demais colegas do Instituto Agronômico do Sul, organizou as primeiras normas para produção de sementes de trigo fiscalizada.

Atualmente, residia em Campo Grande/MS,  casado com a senhora Élia, que é mãe de três filhas: Elma, Elen e Élbia, e avô de sete netos: Georgy, Jorge Felipe, Larissa, Lorena, Izadora, Laura Vitória, Miguel  e um bisneto: Bernardo.

Dante Graeff visitava Não-Me-Toque anualmente e concedia entrevista ao jornal A Folha. Na foto, registro da visita, em março de 2019, com a editora Helaine Gnoatto Zart

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.