Sexta-feira, 07 de Maio de 2021
Telefone: (54) 3332-1699
Whatsapp: 054 9 9715-2658
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Tempo limpo
17°
12°C
Não-Me-Toque/RS
Tempo limpo
Ao Vivo:
Colunista e Opinião

Dica de Leitura: A atualidade de uma obra que se passa em 1944

Dica de Leitura: A atualidade de uma obra que se passa em 1944
09.04.2021 14h32  /  Postado por: A Folha
Por Laura Simon Marques

Às vezes, a graça de ler um livro não está na narrativa eletrizante, mas sim na possibilidade de ver os seus sentimentos eloquentemente postos em palavras por um autor habilidoso. A catarse de saber exatamente o que o personagem está passando, de se ver refletido na página, pode ajudar a processar os sentimentos que mantemos enclausurados dentro de nós.

O momento que estamos vivendo parece único nos seus desafios, e a maioria de nós, claro, realmente nunca viveu nada parecido, mas nos enganamos ao pensar que situações similares não aconteceram antes, que relatos de pessoas vivendo com os nossos mesmos anseios e esperanças não existem.

A história de Nêmesis, do autor americano Philip Roth, é um relato ficcional, mas não menos poderoso por isso. Escrito em 2010, mas se passando em 1944, no furor da segunda guerra, essa obra é na verdade sobre uma guerra mais próxima da nossa realidade: a epidemia da poliomielite, na época ainda sem cura, no interior dos Estados Unidos.

A pólio acometia a todos, sem descriminação de idade, porém preferia as crianças. No livro, seguimos Bucky Cantor, um professor de educação física, que se sente responsável pela saúde dos seus alunos e, por isso, no decorrer do verão, quanto mais e mais dos seus meninos morrem e sofrem danos irreparáveis por conta da doença, mais culpa e desesperança ele sente. Na época, o vírus era um grande vilão misterioso: não se sabia muito sobre os modos de contágio ou sobre possíveis tratamentos. As recomendações, portanto, eram essas: lavar bem as mãos e fazer quarentena. Familiar?

Bucky com certeza é um bom espelho para quem está sofrendo com o coronavírus. Suas reflexões e ansiedades irão ressoar com qualquer um que, junto com ele, também se vê impotente na luta contra uma doença invisível.

Com 200 páginas, o livro é um bom resumo dos sentimentos humanos envolvidos quando somos confrontados com a inevitável corrosão do nosso corpo, ao mesmo tempo que, para quem o lê no meio da pandemia, transmite um pouco de esperança, afinal, se o nêmesis do personagem principal – a pólio – foi eventualmente vencida, ao ponto de ser erradicada, também há esperança para nós e o nosso nêmesis atual.

Autor: Philip Roth

Título: Nêmesis

ISBN-13: 9788535919318

ISBN-10: 8535919317

Ano: 2011

Páginas: 200

Idioma: português

Editora: Companhia das Letras

O livro pode ser adquirido no seguinte link, assim como em bibliotecas perto de você:

Amazon: https://amzn.to/3dNHQxw

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.