Passo Fundo/RS: Tempo limpo
Carazinho/RS: Tempo limpo
Passo Fundo/RS: Tempo limpo
Carazinho/RS: Tempo limpo

Notícias

18 de abril de 2006

Dia 27 pára tudo em apoio à agricultura

Na contramão das estatísticas que chegam às mãos do Presidente da República, o Brasil que depende da agricultura vai muito mal. E para chamar a atenção do Governo Federal sobre esta situação, lideranças representadas pela Famurs, Fecoagro, Fetag, Farsul, Federasul e Fecomércios estão planejando uma paralisação estadual, dia 27 de abril, em defesa dos interesses do setor primário. Cada município tem autonomia para organizar sua paralisação.
Em Não-Me-Toque, estiveram reunidos no gabinete do prefeito Armando Roos os presidentes: da Cotrijal, Nei César Mânica; do Sindicato Rural, Willibrordus van Lieshout; do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Pedro Nienow; da Acint, Jeovani Pagliarini e o secretário do Desenvolvimento da Produção, e Jair Kilpp. A reunião foi realizada na tarde de terça-feira (18), para traçar as metas da realização de um ato público de mobilização e conscientização da sociedade sobre a importância de serem adotadas mudanças na política agrícola do país, visando evitar um colapso na economia gaúcha, que já está sofrendo com a queda de arrecadação, aumento do desemprego e outros agravantes decorrentes da situação.
Ficou acordada na reunião que no próximo dia 27, quinta-feira, no lugar de cumprir expediente no trabalho, todos participarão ato público que se dará na praça Dr. Otto Schmiedt, das 8h ao meio-dia. Todos os setores aderiram à paralisação e só abrirão expediente à tarde. A exceção fica por conta dos postos de saúde e das escolas, que terão aula normal. Veja mais na página 2

Utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Permitir