Chuva
Chuva
Chuva
Chuva

Notícias

20 de setembro de 2009

Homenagens marcam acendimento da Chama Crioula

Cerca de 40 cavalarianos acompanharam a celebração de homenagem póstuma a Edgar Antônio Fritzen, realizada pela patronagem do CTG Galpão Amigo e pelo governo municipal no Cemitério Católico, ocasião em que a viúva Nâimia Fritzen recolheu uma centelha do fogo aceso junto ao túmulo do homenageado municipal da Semana Farroupilha.
O nascimento da Chama Crioula do Estado ocorreu às 18h do dia 7 de setembro de 1947. No momento de extinguir a Pira da Pátria, oito estudantes do Colégio Júlio de Castilho, de Porto Alegre, liderados por Paixão Cortes, aproximaram-se da Pira e acenderam a 1ª Chama Crioula. Brilhava a centelha que iria iluminar o Movimento Tradicionalista que estava nascendo e já conta com 62 anos.
O Dia do Gaúcho – 20 de setembro - terá Desfile Farroupilha centrado no tema “Os Farroupilhas e suas façanhas”, iniciando 9h45.
Os eventos da Semana Farroupilha deste ano já mobilizaram pelo menos mil pessoas entre cavalgada, missa crioula, jantares, café de chaleira e horas cívicas na praça.

Utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Permitir