Segunda-feira, 18 de Novembro de 2019
Telefone: (54) 3332-1699
Curta nossa página no Facebook:
Ensolarado
29°
16°
23°C
Não-Me-Toque/RS
Ensolarado
Agronegócios

Leonardo canta nos 50 anos da Empresa Roos

Leonardo canta nos 50 anos da Empresa Roos
Público de Não-me-Toque viu de perto o carisma de Leonardo
07.12.2012 07h21  /  Postado por: upside

Público de Não-me-Toque viu de perto o carisma de Leonardo

Um presente para os colaboradores. O show do cantor Leonardo, na noite de 2 de dezembro marcou a comemoração do cinquentenário de fundação da E. Orlando Roos&Cia Ltda. O evento organizado pelo departamento de marketing da empresa reuniu colaboradores das onze unidades da empresa, para seus familiares e poucos convidados, entre eles o deputado federal Luiz Carlos Heinze (PP), o deputado estadual Ernani Polo (PP), a vice-prefeita Teodora Lütkemeyer, a juiza Greice Witt, a promotora substituta da comarca, Marisaura Raber Fior, empresários e outras lideranças de Não-Me-Toque e dos municípios onde estão instaladas as unidades da Sementes Roos. Um público de 2.000 mil pessoas lotou o ginásio municipal Breno Kirinus.
– Mesmo sendo este um ano difícil para a agricultura, não podemos deixar de comemorar os 50 anos da Sementes Roos. São poucas as empresas que atingem essa idade, principalmente quando se trata de empresas familiares, e nós temos projeto para que ela alcance 150 anos, ou mais – disse o gestor de sementes da E. Orlando Roos, Arlei Roberto Krüger.

Homenagem
Um audiovisual contou a história do fundador da empresa, Erni Orlando Roos, mostrando que sua vida admirável faz do empresário de 81 anos de idade um exemplo de vida. Filho de família pobre que dava duro na agricultura numa época que não existia tecnologia alguma, Orlando lembra que não tinha calçado, ia para a escola de pés descalços. No inverno, tomava um café bem forte corria para não sentir o frio da geada que queimava os pés. Com sete anos começou a ajudar na lavoura plantando mandioca e tratando os animais.
– Sempre tive na cabeça a vontade de ser alguém na vida – relada.
Quando retornou do quartel começou a trabalhar de motorista de caminhão, puxando madeira. Voltou para casa quando o pai comprou um trator. Em 1957, conheceu Warna Erpen, em uma baile de São João, no Clube União. O namorou virou noivado e casamento. Nasceram os filhos Marina e Airton que trabalham na empresa.
– Eu admiro muito meu pai. Ele é uma pessoa simples que sabe valorizar as pessoas sem distinção – destaca Marina Roos Mariano da Rocha, que ocupa o cargo de vice CEO.
Para Airton Gilmar Roos, CEO da empresa, a humildade, honestidade, persistência e a sagacidade fizeram de seu pai um homem vencedor. Airton falou em nome da empresa e da família homenageando, o fundador.
– Agradeço aos nossos colaboradores por nos ajudarem a construir essa história de solidez e de consolidação da marca que está presente no Brasil, Paraguai e Uruguai. Dentro de um contexto em que 80% das empresas brasileiras são familiares, mas poucas conseguem se manter assim na sucessão, nós temos um planejamento que garante a continuidade dentro da família – anunciou.
Aos 54 anos de idade, com 30 de trabalho dentro da empresa, Airton Roos lembrou que Não-Me-Toque é um município privilegiado porque tem quatro grandes empesas familiares com mais de 50 anos em atividade.
– Somos um município jovem, ainda pequeno, mas com grandes empresários que têm visão voltada para os negócios que projetam um crescimento capaz de dobrar a população em dez anos – destacou.
– Quero enaltecer a história de meu pai e seus parentes na fundação da Empresa Roos. Agradeço a todos os profissionais Roos que fazem parte da nossa história. Nosso presente e reconhecimento foi trazer um dos maiores cantores brasileiros da música sertaneja – anunciou no final de seu pronunciamento.

Com um corpo de bailarinas formado por lindas mulheres, o show do Leonardo abriu ovacionado pelo público que não teve que esperar muito. Era 22 horas quando Leonardo entrou no palco, cantou uma música e se dirigiu a público falando de sua satisfação em estar presente na comemoração dos 50 anos da empresa Roos.
Leonardo cantou durante mais de uma hora com entusiasmo. Atendeu o pedido da organização local e incluiu alguns de seus sucessos antigos no repertório. Fez o público vibrar e guardar para sempre a emoção de ter participado de um dos shows do cantor que reduziu para menos da metade sua agenda desde o acidente com o filho Pedro, e que não pretende retomar o antigo ritmo.

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.