Terça-feira, 17 de Setembro de 2019
Telefone: (54) 3332-1699
Curta nossa página no Facebook:
Alguns chuviscos
19°
14°
15°C
Não-Me-Toque/RS
Alguns chuviscos
Ciência e Tecnologia

Município vai instalar parque tecnológico para startups 

Município vai instalar parque tecnológico para startups 
Secretário Municipal do Desenvolvimento, Jair Kilpp
23.08.2019 16h09  /  Postado por: helaine
Felipe Keller – reporter@afolhadosul.com.br

Uma novidade importante para geração de novos negócios está muito próxima de chegar a Não-Me-Toque. A Secretaria Municipal de Desenvolvimento está com adiantada negociação com uma universidade da região Norte do estado – mantido em sigilo – para a instalação de empresas de tecnologia, no formato startup. Essas empresas apresentam propostas inovadoras com enorme potencial de negócio. São ideias que apresentam serviços práticos e rápidos para o cliente.

Secretário Municipal do Desenvolvimento, Jair Kilpp

O local está escolhido e serão as salas onde funcionava o Instituto Federal Farroupilha, prédio da prefeitura onde está a Escola do Senai. Segundo o secretário de Desenvolvimento, Jair Kilpp, as reformas para receber as startups devem iniciar em setembro. Grandes empresas e marcas mundiais (Google, Facebook, Appel, Microsoft) adquirem ideias inovadoras das startup. Como são empresas que não precisam de espaço amplo, a estrutura disponibilizada pela Administração Municipal poderá abrigar mais de um projeto.

– É uma nova visão de mercado gerando empregos que poderão criando ou gerar tecnologia para as empresas locais, por exemplo – sinalizou o secretário.

A reforma prevê miniauditório, sala de reuniões, convivência, espaço para as empresas, acesso à internet.

– A universidade está empolgada e nós da Administração estamos ansiosos para esse novo marco para Não-Me-Toque. O projeto precisa ser aprovado em sessão no plenária na Câmara de Vereadores. Para utilizar o espaço haverá abertura de edital público, critérios de habilitação de uso, período de utilização, acompanhado da universidade.

– O município foi ao encontro da universidade e houve convergência de ideia, queremos deixar tudo pronto para concretizar o projeto no inicio de 2020 – adiantou Kilpp.

O Rio Grande do Sul é uma região do Brasil inovadora no potencial de startups. Conheça alguns sucessos dos novos modelos de negócios.

Startups gaúchas criativas de destaque 

Piipee

Desenvolveu uma solução biodegradável que elimina em 100% o uso da água ao urinar. E que custa menos que a descarga, assim o usuário consegue reduzir seu consumo e seu custo com água potável.

Wedy

Oferece uma solução que acompanha os noivos desde o pedido de noivado até além do altar. Enquanto seus players de mercado estão focados em sites de casamento ou listagem de fornecedores.

Warren

É uma plataforma de investimentos que ajuda as pessoas a investirem de forma fácil, inteligente e segura.

Triider

Conecta os melhores profissionais do mercado e garante a qualidade dos serviços contratados pela plataforma. Desde a pintura da parede da sala até o DJ para o casamento.

TownSq

Foi criada com o propósito de utilizar a tecnologia para facilitar o dia a dia em conjunto e trazer de volta o senso de comunidade nos condomínios. Hoje está mais de 100 mil lares no Brasil, e facilita a vida de síndicos e moradores.

Rocket.Chat

É uma plataforma de chat open source voltada para o mercado empresarial, dando liberdade para que todas as organizações possam criar o seu próprio chat, podendo alterar o seu design e features sem ter que pagar por isso.

Meerkat

Tecnologias de análise de imagens para a automatização de processos nas empresas. O principal produto é o sistema de reconhecimento facial, que vem sendo utilizado no controle de acesso e na autenticação mobile em fintechs, seguradoras e bancos.

HelpBell

Produz soluções baseadas em tecnologia IoT/Cloud nas área de adesão ao tratamento, acionamento de emergências e cuidado a idosos

Egalitê

É especializada na inclusão de pessoas com deficiência (PCDs) no mercado de trabalho e tem a inovação em sua essência. No Brasil existe uma lei que obriga empresas com mais de 100 funcionários a incluir de 2% a 5% de pessoas com deficiência em seu quadro de colaboradores.

Deeper

É um aplicativo de relacionamento às cegas que conecta as pessoas com os mesmos interesses. O usuário só revela a foto depois de um tempo de conversa e se de fato a troca de ideias for boa.

Fonte: Sebrae

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.