Sexta-feira, 23 de Abril de 2021
Telefone: (54) 3332-1699
Whatsapp: 054 9 9715-2658
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Tempo limpo
26°
14°
25°C
Não-Me-Toque/RS
Tempo limpo
Ao Vivo:
Destaques

Ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, anuncia saída do cargo

Ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, anuncia saída do cargo
29.03.2021 16h50  /  Postado por: A Folha
Por InfoMoney

O ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, informou em nota nesta segunda-feira (29) que deixará o cargo. “Saio na certeza da missão cumprida”, afirmou. “Agradeço ao presidente da República, a quem dediquei total lealdade ao longo desses mais de dois anos, a oportunidade de ter servido ao país, como Ministro de Estado da Defesa. Nesse período, preservei as Forças Armadas como instituições de Estado”, destacou em nota. .

O comunicado não informa o motivo da decisão. Azevedo e Silva foi anunciado como ministro ainda durante a transição de governo, em 2018.

Azevedo e Silva foi o segundo militar a comandar o Ministério desde que a pasta foi criada, em 1999. O primeiro militar a ocupar o posto foi o general Joaquim Silva e Luna, indicado por Michel Temer.

Vale ressaltar que, também nesta segunda-feira, diversos veículos de mídia destacam que, pressionado pelo Congresso, Ernesto Araújo, ministro das Relações Exteriores, também pediu sua demissão do cargo ao presidente Bolsonaro.

Porém, de acordo com informações do jornal O Estado de S. Paulo, no caso de Azevedo e Silva, foi Bolsonaro que pediu a saída do ministro. Isso após uma entrevista do general Paulo Sérgio, responsável pela área de saúde do Exército, ao jornal Correio Braziliense. À publicação, o militar apontou a possibilidade de uma 3.ª onda da covid-19 no País nos próximos meses e defendeu lockdown, contrariando o que prega o presidente, crítico a medidas de isolamento social.

De perfil moderado e com experiência na relação com o Congresso, Azevedo foi assessor do ministro Dias Toffoli na presidência do Supremo Tribunal Federal.

Confira abaixo a íntegra do comunicado comunicando a demissão de Fernando Azevedo e Silva:

Nota Oficial

Agradeço ao Presidente da República, a quem dediquei total lealdade ao longo desses mais de dois anos, a oportunidade de ter servido ao País, como Ministro de Estado da Defesa.

Nesse período, preservei as Forças Armadas como instituições de Estado.

O meu reconhecimento e gratidão aos Comandantes da Marinha, do Exército e da Aeronáutica, e suas respectivas forças, que nunca mediram esforços para atender às necessidades e emergências da população brasileira.

Saio na certeza da missão cumprida.

Fernando Azevedo e Silva

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.