Terça-feira, 11 de Maio de 2021
Telefone: (54) 3332-1699
Whatsapp: 054 9 9715-2658
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Tempo nublado
16°
11°
14°C
Não-Me-Toque/RS
Tempo nublado
Ao Vivo:
Cultura e lazer

Adido Cultural do RS, César Oliveira assume gabinete na Casa Civil

Adido Cultural do RS, César Oliveira assume gabinete na Casa Civil
Governador Eduardo leite e presidente do MTG, César Oliveira, adido cultural do RS (FOTO DIVULGAÇÃO)
20.04.2021 13h44  /  Postado por: A Folha

Com o gabinete, o músico e presidente do MTG terá uma assessoria que estará à disposição de entidades tradicionalistas e demais fazedores de cultura para encaminhar demandas e esclarecer dúvidas que dizem respeito a órgãos do estado e formas de obtenção de recursos para a cultura.

Governador Eduardo leite e presidente do MTG, César Oliveira, adido cultural do RS (FOTO DIVULGAÇÃO)

Por: Giovani Grizotti

Presidente em exercício do Movimento Tradicionalista Gaúcho, o Adido Cultural do Rio Grande do Sul, César Oliveira, ganhou um gabinete na Casa Civil do Governo do Estado. A posse aconteceu no Palácio Piratini e contou com a presença do Governador Eduardo Leite.

Com o gabinete, César tem uma assessoria que estará à disposição de entidades tradicionalistas e demais fazedores de cultura para encaminhar demandas e esclarecer dúvidas que dizem respeito a órgãos do estado e formas de obtenção de recursos para a cultura. O telefone de contato é (51) 3210-4405, ramais 4360 e 4366 e os e-mails, cesaroliveira@casacivil.rs.gov.br e mauricio-freitas@casacivil.rs.gov.br.

Inicialmente criado para representar a cultura do estado no Brasil e exterior, a função de Adido Cultural agora se torna mais abrangente.

— Queremos ter um foco nos jovens, e trabalhar sua aproximação com a cultural regional, inclusive dentro das escolas. Vamos fazer o diálogo entre a cultura regional e as demais culturas do estado. E fortalecer o setor, como um todo — explica César.

Como Adido, César terá um papel importante no sentido de inserir o tradicionalismo no Turismo do estado.

As conversas com o secretário de Turismo recém empossado, Ronaldo Santini, já começaram.

— Nossos CTGs tem um potencial muito grande para fornecerem atrações aos turistas que nos visitarem, em diversas áreas, como danças, canto, declamação e nas atividades campeiras — exemplifica César.

CULTURA GAÚCHA COMO PATRIMÔNIO IMATERIAL DO PAÍS

Outra meta é lutar pelo tombamento da cultura gaúcha como Patrimônio Imaterial do país, o que foi tema de recente reunião com a diretoria do Instituto do Patrimônio do Patrimônio Histórico, Artístico e Nacional (Iphan).

— Uma das consequências diretas desta iniciativa é uma maior facilidade de captar patrocínios. Se alcançarmos este objetivo, por exemplo, as empresas que investirem na Lei Federal de Incentivo à Cultura, não precisão mais depositar uma contrapartida à União, podendo abater no Imposto de Renda a totalidade dos valores investidos — ressalta o adido.

O governador Eduardo Leite diz que a ponte entre o Governo e a cultura gaúcha é importante porque o setor está ligado ao turismo, sendo um “ativo para o desenvolvimento de novas rotas”, além de fomentar a inclusão e a mobilização das comunidades.

— A função do Cesar Oliveira será, justamente, de atuar transversalmente como elo entre o governo e suas diversas políticas e o movimento tradicionalista — afirmou Leite.

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.