Quarta-feira, 06 de Julho de 2022
Telefone: (54) 3332-1699
Whatsapp: 054 9 9715-2658
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Chuvas esparsas
22°
14°
21°C
Não-Me-Toque/RS
Chuvas esparsas
Ao Vivo:
Cultura e lazer

Ferrovia Ferroeste poderá ligar Passo Fundo ao Paraná

Ferrovia Ferroeste poderá ligar Passo Fundo ao Paraná
Foto: Divulgação
15.06.2022 08h26  /  Postado por: A Folha

A cidade de Passo Fundo possui uma forte conexão com o sistema ferroviário em sua história.  Em décadas passadas, quando o transporte por rodovia era limitado e lento, a cidade convivia com os trens passando pelo centro e indo até a Gare, trazendo cargas, pessoas e progresso.

Com o passar do tempo este cenário mudou, mas Passo Fundo ainda possui uma importante linha férrea que traz, principalmente, combustível.  Agora, um movimento, através do Governo do Paraná, está acontecendo e pretende trazer a Ferrovia Ferroeste até muito perto da cidade, em Chapecó-SC.

No último sábado (11) uma reunião sobre a vinda desta ferrovia também até a cidade ocorreu no Sindicato Rural de Passo Fundo.  A reunião contou com a participação de lideranças, destacando o Senador Luiz Carlos Heinze e o ex-minsitro da Agricultura Francisco Turra.

Em entrevista o Senador Heinze explicou que o projeto do Paraná está pronto, ligando a ferrovia desde o Mato Grosso do Sul até Cascavel-PR e Chapecó-SC. Heinze explicou ainda que no ano passado foi incorporada a rota que liga Passo Fundo, Erechim e Nonoai até Chapecó, integrando então a grande ferrovia.

No entanto, ainda não há um projeto pronto para esta nova rota que incluiria Passo Fundo. Agora, diferentes setores do agro estão se reunindo no Estado para contratar a mesma empresa que fez o projeto do Paraná para realizar este trabalho na linha de Passo Fundo.

O Presidente do Sindicato Rural de Passo Fundo, Carlos Alberto Fauth, avaliou que este projeto de infraestrutura para trens está levando economia e facilidade para o transporte dos alimentos.  Cargas da produção de Passo Fundo, que é uma referência nacional de preços de soja, poderiam chegar rapidamente ao destino e alavancar a economia regional.

O Ex-ministro da Agricultura Francisco Turra, classificou a iniciativa como fantástica.  Disse que o Rio Grande do Sul e Santa Catarina, por não poderem trazer milho de uma forma mais barata, estão perdendo muito espaço de mercado.  A ferrovia, chegando na região, poderia mudar este quadro.  O agro vai entrar com força, vai investir recursos e tornar o projeto uma realidade, explicou Turra.

Por Rádio Uirapuru
Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.
Utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, de acordo com a nossa Página Inicial e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Prosseguir