Passo Fundo/RS: Chuva
Carazinho/RS: Chuva
Passo Fundo/RS: Chuva
Carazinho/RS: Chuva

Notícias

As provas serão realizadas nos dias 5 e 12 de novembro em todo o país Ilustração: Arte/Agência Brasil

31 de outubro de 2023

Secretaria da Educação oferece transporte e alimentação a alunos da rede estadual no Enem 2023

Para oferecer suporte aos alunos concluintes do Ensino Médio, a Secretaria da Educação (Seduc) vai disponibilizar transporte e kit alimentação para os estudantes da rede estadual que irão prestar as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2023, que será realizado nos dias 5 e 12 de novembro.

A iniciativa contempla cerca de 40 mil alunos e o valor total do investimento é de aproximadamente R$ 1 milhão. O repasse às escolas foi feito por meio da autonomia financeira, diretamente na conta das equipes diretivas das instituições de ensino.

Entre as escolas estaduais que receberão mais alunos nas datas das provas estão: Inácio Montanha, em Porto Alegre, com 300 alunos; Instituto de Educação Elisa Ferrari Valls, em Uruguaiana, com 300 alunos; Instituto de Educação Irmão Getúlio, em Vacaria, com 252 alunos; Dom Diogo de Souza, em Porto Alegre, com 200 alunos; Escola Técnica Monteiro Lobato, em Taquara, com 228 alunos; Coronel Genuíno, em Sapiranga, com 197 alunos; e Dr. Glicério Alves, em Porto Alegre, com 180 alunos.

No Rio Grande do Sul, conforme dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), cerca de 193 mil estudantes se inscreveram para o Enem.

Sobre o Enem

O Exame Nacional do Ensino Médio foi instituído em 1998, com o objetivo de avaliar o desempenho escolar dos estudantes ao término da educação básica. Em 2009, o exame aperfeiçoou sua metodologia e passou a ser utilizado como mecanismo de acesso à educação superior. Desde 2020, o participante pode escolher entre fazer o exame impresso ou o Enem Digital, com provas aplicadas em computadores, em locais definidos pelo Inep.

As notas do Enem podem ser usadas para acessar o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e o Programa Universidade para Todos (ProUni). Além disso, os participantes podem pleitear financiamento estudantil em programas do governo federal, como o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Os resultados do Enem possibilitam, ainda, o desenvolvimento de estudos e indicadores educacionais.

Os participantes fazem provas em quatro áreas de conhecimento: linguagens, códigos e suas tecnologias; ciências humanas e suas tecnologias; ciências da natureza e suas tecnologias; e matemática e suas tecnologias. Os estudantes devem responder 180 questões objetivas e elaborar uma redação, que exige o desenvolvimento de um texto dissertativo-argumentativo a partir de uma situação-problema.

Fonte: Secretaria de Educação do Estado do Rio Grande do Sul

Utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Permitir