Passo Fundo/RS: Parcialmente nublado
Carazinho/RS: Tempo nublado
Passo Fundo/RS: Parcialmente nublado
Carazinho/RS: Tempo nublado

Notícias

Giurá registra muita destruição após violento temporal nesta noite | REDES SOCIAIS

16 de novembro de 2023

Violento e destrutivo temporal deixa vítimas em giruá (rs)

Violento temporal atingiu na noite desta quarta-feira o município de Giruá, na região de Santa Rosa, no Noroeste do Rio Grande do Sul. As primeiras informações dão conta de grande destruição na cidade com muitos danos e vítimas pela tempestade que se abateu sobre o município por volta das 22h.

Os relatos iniciais de Giruá informam sobre casas destruídas, postes caídos, árvores derrubadas pelo vento e coberturas de residências e galpões arrancados com a força do vendaval, dentre outros no município.  O número de residências afetadas ainda não é conhecido. Há um grande número de árvores tombadas na pista em estradas da região, conforme imagens publicadas em redes sociais por motoristas e moradores do Noroeste gaúcho. O acesso ao município de Giruá está parcialmente interrompido na RS-344 como consequência da tempestade severa.

O incidente mais grave, de acordo com a imprensa local, ocorreu em uma quadra de padel do município, que veio abaixo com a força do temporal. As informação ainda preliminares de rádios da região são de pessoas que ficaram presas sob os escombros. Isabele Soardi, 26 anos, fisioterapeuta, estava no centro esportivo localizado no bairro Santa Fé, em Giruá/RS, quando o local desabou durante um forte temporal, infelizmente acabou não sobrevivendo aos ferimentos. O município de 16 mil habitantes ficou sem luz, e equipes de municípios vizinhos, inclusive profissionais de folga, foram acionados para atender o número de feridos - mais de 60 pessoas, que foram levadas para hospitais da região.

As emissoras do Noroeste do Rio Grande do Sul informam ainda que várias pessoas estão recebendo atendimento no hospital local e que há um grande número de feridos, alguns com gravidade. O número exato de feridos na cidade ainda não é conhecido. As imagens de satélite da noite desta noite mostram um CCM atuando entre o Noroeste do Rio Grande do Sul, o Oeste de Santa Catarina e o Sudoeste do Paraná com a instabilidade mais intensa sobre o Noroeste gaúcho no momento da tempestade severa que castigou com danos também outros municípios da região.

CCM é a sigla para Complexo Convectivo de Mesoescala. Trata-se de um grande aglomerado circular e de longa duração de nuvens muito carregadas, identificado por satélite, que provoca chuva intensa e tempestades. Podem ocorrer tornados e microexplosões quando da atuação destes aglomerados.

CCM, um grande aglomerado de tempestades, sobre o Noroeste do Rio Grande do Sul nesta noite registrado pelas imagens de satélite do GOES-16 da NOAA/NASA | METSUL

Estes complexos que reúnem muitas nuvens de temporal surgem geralmente durante a noite e enfraquecem durante o dia, e são comuns em meses da primavera e do verão nas latitudes médias da América do Sul sob ar tropical quente, úmido e muito instável, como é o caso desta noite.

A MetSul Meteorologia havia advertido para o risco de tempo severo na Metade Norte do Rio Grande do Sul com abundante umidade na periferia de uma massa de ar quente excepcionalmente intensa e uma das mais fortes a ter atuado até hoje sobre o Brasil.

Fonte: https://metsul.com/violento-e-destrutivo-temporal-deixa-vitimas-em-girua-rs/ .

Utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Permitir